SBACV-RJ

SBACV-RJ realiza III Simpósio de Segurança do Paciente em Cirurgia Vascular

Com o tema central “Como reduzir a morbimortalidade perioperatória e até 30 dias após a alta”, foi realizado o III Simpósio de Segurança do Paciente em Cirurgia Vascular para Prevenção de Óbitos e Eventos Adversos, durante a 612ª reunião científica da SBACV-RJ, no dia 05 de dezembro. Participaram como convidados da abertura do evento os Drs. Arno von Ristow, representando a Associação Médica Brasileira (AMB) e a Academia Nacional de Medicina (ANM); Luiz Gustavo de Oliveira e Silva, Vice-Presidente do Núcleo Central do Colégio Brasileiro de Cirurgiões (CBC); Mauro Paes Leme, Diretor do Instituto do Coração Edson Saad (ICES/UFRJ); e Victor Grabois, Presidente da Sociedade Brasileira para a Qualidade do Cuidado e Segurança do Paciente (Sobrasp).

A Mesa-Redonda I debateu “As pesquisas em segurança do paciente em Cirurgia Vascular e sua interface com entidades científicas e o SUS”, que teve como palestrante a Dra. Angela Maria Eugênio (UFRJ/SBACV), abordando “Estágio atual da pesquisa em segurança do paciente em Cirurgia Vascular no RJ / Alternativas para melhorar o acesso à Cirurgia Vascular no SUS/RJ”.

A Mesa-Redonda II apresentou o tema “A segurança do profissional de saúde e a segurança do paciente”, com a participação de dois palestrantes internacionais: Dr. Carlos Aibar Remon, Professor Titular da Universidade de Saragoza (Espanha), que falou sobre “Segurança do profissional de saúde: a saúde ocupacional do cirurgião vascular”; e Dr. Jesus Maria Aranaz Andres, do Hospital Universitário Ramóny Cahalde (Madrid/Espanha), com “A segurança do paciente vascular em tempos de pandemia”.

“As condições clínicas e a segurança do ato cirúrgico” foi o assunto da Mesa-Redonda III, que teve a palestra do Dr. Luís Antonio Diego (UFF/ SOBRASP/SBA) sobre “O que é um paciente frágil? A fragilidade como fator de risco na cirurgia vascular”.